Cartão sensual

Cartão sensual
Lucas Munhoz

A vida da sensualidade

Sou um bom poeta da sensualidade em belos versos de poesia sensual, sou apaixonado pelo Sensualismo e amo os poemas sensuais!!! Bom blog!

Os poemas mais lindos

Poemas sensuais do Lucas Munhoz

quarta-feira, 11 de maio de 2011

A jovem amante





















A jovem amante

Nua, a ansiar os teus gozos que lambe os seios;
Mordê-los a beber a hora, que ama a mulher...
O teu sexo adoçado, que és tão linda a ser...
Chega-te a mim! Que me olhaste a alma dos anseios.

Deleita-te a veste, que és meretriz da amante...
Sem morte hei de gozar-te a fome da bondade;
À pura alcova, que tens a água da amizade!?
Em duas virgens, que a amas o amor bem tocante.

Que os teus olhos já me sentiste tanto pranto!
Morda-te a carne o sol, eis-me o palor quem ama;
Trazes a ansiar-me o amor, eis-me a maior chama!
Ouve os versos ardentes, que és tão doce ao canto.

Que em vargens hás de lamber-me a bela mudez;
Se a boa amante já viste, que a beijas à água;
Por entre os beijos, que a molhas a bela nua.
Morde-lhe o corpo ondeado a amá-la a nudez.

Que os teus seios perfeitos a ansiá-la as cousas;
Vem! Rolai-me o afago da brisa olhando em fome!
Ó deleite! Que és minha amante do bom nome...
A nós da volúpia, que a tua dor quem ousas!?

Que vos sentiste a alcova, que ama os sentimentos...
Lambe-lhe a nua sem azo! que és bem-querida!...
Beija-lhe o ventre sem pêlos! Que és bem lânguida!...
No concâvo da alma me amaste os firmamentos!...

Autor:Lucas Munhoz

Nenhum comentário:

Postar um comentário